Registo
Foto Abraços a cães: Sim ou Não?

Nada melhor do que um abraço bem forte para demonstrar o quanto se gosta de alguém. Sabe bem e, enquanto pessoas, é natural que gostemos de retribuir este gesto de afecto a todos os que nos dão amor. Mas será que os nossos cães partilham da mesma opinião?

“Não” é a primeira resposta da maior parte dos especialistas em comportamento canino, mas esta resposta não se fica por aqui. Nem tudo é preto ou branco. Se por um lado, por natureza, um abraço simboliza uma invasão de espaço podendo gerar stress ao cão, também o contrário pode acontecer.

“Abraço o meu cão e ele adora”

Muitas pessoas afirmam que adoram abraçar os seus cães e o sentimento é recíproco. Realmente não há nada melhor que cumprimentar o nosso cão com um abraço, umas festinhas na barriga, no dorso e atrás das orelhas. Faz-nos bem a nós e parece que lhes faz bem a eles também.

A especialista em comportamento canino Wyn & Mary Burch diz que abraça o seu cão, mas nada de muito prolongado, apenas o suficiente para o cumprimentar. Mas será que ela anda para aí a abraçar cães? Claro que não!

O abraço é um gesto de confiança

Tal como nós não abraçamos um estranho, também os cães não gostam de ser abraçados por qualquer um. Quando isso acontece o cão pode não tolerar bem e tentar afastar o desconforto mordendo. Muitas vezes esses estranhos são crianças que não têm consciência de como se lida com um cão. Ler acerca de "Supervisão das brincadeiras entre cães e crianças"

Um abraço, uma experiência positiva

O seu cão pode aprender desde cachorro a apreciar abraços se estes forem encarados como uma experiência positiva. O cão consegue sentir o estado de espírito do dono e a sua boa energia pode influenciar positivamente o cão.

No entanto, indivíduos menos tolerantes ou com um passado sofrido (e.g. um cão que tenha sido maltratado ou negligenciado) podem encarar o abraço como um perigo. Tal como nos humanos, há quem não goste de abraços ou não esteja preparado para tal gesto.

Pelo sim pelo não, alternativas ao abraço:

Os cães adoram que lhes esfreguem a barriga, que lhes cocem as orelhas ou o dorso. De facto, quando os cães estão muito contentes roçam-se na relva ou metem-se de pernas para o ar para os seus donos lhe façam festas na barriga. Dê-lhe miminhos deste género, ele vai adorar e pedir-lhe para não parar.

Referências: